8 DICAS PARA CONVENCER SEU CLIENTE A COMPRAR UM APARTAMENTO PEQUENO

No artigo de hoje, irei dar algumas dicas para você, corretor, de como convencer seu cliente de que decorar o apartamento da forma correta é a melhor forma de dar mais amplitude e otimização aos ambientes.

Hoje é muito comum apartamentos compactos com áreas internas entre 40 m² e 60 m². Com preços mais acessíveis, que se enquadram no orçamento de quem está querendo sair da casa da sogra ou fugir do aluguel, muitas vezes são a única opção de quem não tem muito dinheiro disponível para um investimento maior. E, por mais que a área pareça pequena demais, há truques simples de decoração que transformam um pequeno apartamento em um aconchegante e luxuoso lar.

Para conhecer estes truques, leia a matéria:

 

1 – OTIMIZANDO ESPAÇOS

Aproveitando a altura do pé direito, faça os móveis até o teto na cozinha. Nos quartos e na lavanderia, o segredo é aproveitar cada centímetro. Dê preferência para as portas deslizantes nos roupeiros e armários da cozinha. Se houver uma bancada ou escada, aproveite o vão com um balcão, ou uma adega.

Móveis sob medida ou planejados são sempre a melhor opção para pequenos espaços. Nas gavetas e balcões da cozinha, banheiros e lavanderia, utilize os cestos aramados, alguns possuem divisórias e facilitam na organização. Outro bom motivo pra usar os aramados é a ventilação, evitando mofo.

        

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

2 – ESPELHOS E ILUMINAÇÃO CORRETA

Além de sofisticados, eles são um grande truque pra ampliar os ambientes.

Espelhos com acabamento bisotê são os mais utilizados. No quarto e na sala eles são usados na cabeceira e no painel da tv. Na sala de jantar pode ser colocado em cima de um buffet ou como um painel de uma mesa.

A iluminação é outra peça chave para dar um charme a mais. Existem no mercado diferentes tipos de luminárias, abajures, lâmpadas e fitas de led que podem ajudar na decoração de seu imóvel.

Tente combinar as luminárias com o estilo dos móveis, eles podem ser clássicos, modernos, contemporâneos, rústicos ou retrô.

      

 

3 – PAPEL DE PAREDE

Outro truque para dar a sensação de amplitude são os papéis de parede. Eles são indispensáveis para embelezar um cômodo.

Mas nunca use papel de parede em mais de duas paredes quando o espaço é pequeno. Para causar uma ilusão de ótica fazendo com que o ambiente pareça ser grande e amplo, o listrado é o mais usado, tanto na vertical, como na horizontal.

Outro papel de parede que dá um toque requintado e decorativo ao ambiente são os texturizados. Existe até mesmo os que imitam tijolos e reboco, porém sem sujeira e com muito mais facilidade: enjoou, trocou!

 

4 – CORES CLARAS

Como a intenção é fazer com que os espaços pareçam maiores escolha cores claras. O branco acaba se tornando a melhor opção em termos de custo e passa uma boa impressão de limpeza.

Procure não carregar demais a decoração, escolhendo apenas algumas peças decorativas coloridas, para dar um pouco de vida ao ambiente.

 

5 – ELETRODOMÉSTICOS

É preciso pensar e pesquisar muito antes de comprar os eletros, principalmente quando o espaço não permite qualquer modelo e tamanho.

Na lavanderia, por exemplo, a melhor opção é a lava e seca. Como não há muito espaço para varais, esse tipo de lavadora é muito prática. Elas são compactas e possuem abertura frontal, permitindo assim uma bancada na parte superior. Mas, se o proprietário preferir varais, os de teto retráteis são uma ótima pedida!

Na cozinha o fogão tradicional pode dar lugar ao cooktop. O forno de bancada substitui o forno de embutir. Outra boa recomendação é a coifa, principalmente em apartamentos. A coifa é muita indicada para eliminar fumaças e odores, não deixando cheiro de gorduras ou frituras.

 

 

6 – COZINHAS E SALAS INTEGRADAS

Para ter uma cozinha prática e funcional, basta seguir algumas dicas de ergonomia, como posição da pia, geladeira e cooktop. Eles devem estar dentro de um triângulo, dessa maneira encurta a distância percorrida entre um e outro.

Procure deixar as gavetas com talheres e o porta temperos próximo ao cooktop (fogão), e o porta toalha e a lixeira perto da pia.

É importante também ficar atento quanto às medidas dos eletros de coifa/depurador, geladeira e fornos de embutir.

Atenção às medidas das bancadas e banquetas. Fixas ou com sistema de elevação, as banquetas tem entre 60 cm e 85 cm de altura, e a bancada entre 100 cm e 120 cm.

O momento da compra de sofás, poltronas, pufes, tapetes, aparelhos eletrônicos e objetos de decoração, certamente, é o mais esperado. Por esse motivo é preciso ter um pouco de cautela ao escolher. É preciso verificar medidas e se certificar de que realmente há espaço para não tornar o ambiente sufocante.

Quadros também não podem faltar, mas nada de exagero. Telas ou moldurados estão sempre na moda.

 

8 – CHURRASQUEIRA E SACADA

Essa área com certeza é a mais vista e explorada pelos convidados. A melhor opção aqui é uma sacada gourmet.

Uma dica muito boa é embutir no móvel porta espetos, espaço para os talheres para churrasco e frigobar. Um aéreo para copos, taças e pratos também é uma boa opção.

Não existe uma regra quanto a combinação ou estilo da churrasqueira com a sala , mas decoração irá fazer toda a diferença nesse espaço. Abuse das plantas, quadros e papel de parede.

Por fim, defina primeiro qual estilo e quanto está disposto a gastar em mobília e decoração. Pesquise sobre tendências e faça orçamentos.

É possível deixar um apartamento pequeno muito confortável e aconchegante sem investir uma fortuna!

 

 

Júlia Maier

Marketing Digital Nativa Sistemas

 

CONTINUE NO BLOG

CONHEÇA OS DIFERENTES TIPOS DE FINANCIAMENTO IMOBILIÁRIO

Você já parou para pensar o quanto é satisfatório transformar um sonho em realidade? Isso acontece com muitos brasileiros que sonham em ter o seu próprio imóvel, ao entrar pela primeira vez em seu novo lar. Para grande parte, essa conquista só foi possível graças a obtenção de crédito no mercado. Por isso, antes da compra, é necessário saber um pouco mais sobre os diferentes tipos de financiamento imobiliário. Dessa forma, é possível entender qual deles está mais de acordo com o orçamento e as preferências do comprador e de sua família.
Apesar de parecer complicado em um primeiro momento, é muito simples compreender o que diferencia cada variedade de financiamento.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *