Seus e-mails estão se tornando SPAM?

Seus e-mails se tornaram spam e não estão chegando ao seu destino? E você, sem entender o motivo, continua cometendo o mesmo erro: enviando e-mails em grande quantidade.

Hoje vamos conversar sobre este erro.

O que seria para você “grande quantidade“?

Atualmente estamos passando por uma mudança drástica no conceito do que é envio de e-mail normal de uma pessoa ou envio de e-mail através de um sistema.

Os provedores de e-mail estão cada vez mais duvidando da “idoneidade” dos e-mails que chegam para seus usuários e também duvidando até mesmo de seus próprios usuários.

Isto está gerando um grande problema para todos nós que dependemos dos e-mails para nos comunicarmos com nossos clientes.

Diversos recursos técnicos estão sendo usados e criados todos os dias para tentar identificar quais e-mails são importantes para o usuário e quais são ditos como “indesejados” e automaticamente bloqueados para não lotar as caixas-de-entrada dos usuários.

Por esta razão, estamos tendo dificuldades em auxiliar aqueles que solicitam nossa ajuda e explicar o porquê alguns e-mails não chegam ao seu destino ou por que não recebem e-mails que deveriam ter recebido.

Vou dar duas dicas para ajudar você a entender e resolver parte deste problema.

Quando você usa o e-mail @suaempresa.com.br

Uma sugestão que deve ser levada a sério é somente usar o seu e-mail profissional para envio de mensagens profissionais na forma de 1 para 1. Por exemplo, quando você redige um e-mail e envia para um cliente com uma proposta de serviço. Você até pode enviar para o cliente, colocando outras pessoas em cópia, sem problemas. Nenhum provedor, nem o de saída, nem o do cliente, vai reclamar ou negar este e-mail por se tratar de uma mensagem “idônea“.

Todas as conversas que você transmite via e-mail desta forma serão sempre consideradas “limpas“.

Mas nem sempre é assim.

A tentação é grande e você acaba enviando um mesmo e-mail para vários clientes, em um curto espaço de tempo, e no corpo do e-mail estão algumas fotos de um imóvel e um texto sobre este mesmo imóvel.

Neste momento os problemas começam a ocorrer:

  1. O contator de envios começa a subir dentro do seu provedor;
  2. O provedor dos clientes começa a verificar a idoneidade do seu e-mail e por enquanto seu nome ainda está “limpo na praça“;
  3. O seu cliente começa a avaliar os e-mails que recebe de você e até agora, estava aceitando todos, mas uma luz de alerta se acende.

Como deu tudo certo, você achou bom e até pode ter dado algum resultado. Alguns clientes ligaram de volta, perguntando algumas informações e você se empolga.

Faz um novo envio para mais pessoas, usando o mesmo conteúdo, pensando que agora mais pessoas irão ligar e talvez consiga uma venda!

Agora outros problemas ocorrem, mais sérios que os anteriores:

  1. O contator de envios dentro do seu provedor bloqueia alguns envios porque você ultrapassou a sua cota em uma hora ou a cota do dia;
  2. Os provedores dos clientes passam a colocar suas mensagens não mais na caixa-de-entrada dos clientes, mas na caixa de SPAM;
  3. O seu cliente percebe que você passou dos limites e mesmo sem te avisar, coloca seu e-mail em SPAM;
  4. Neste momento o provedor, percebendo que vários clientes colocaram esta mensagem em SPAM, passam a tratar seu e-mail como “não idôneo“, ou “indesejado”;
  5. Seu domínio @suaempresa.com.br ou até todo o seu provedor são incluídos nas chamadas “black-lists“. As famosas listas negras da internet.
  6. Quando seu domínio está listado nas listas negras, 90% de todos os provedores do mundo passam a bloquear seu domínio. Por dias, meses ou até pra todo o sempre.

 

Mas você quer ou precisa enviar e-mails em quantidade

Enviar boletos para todos os inquilinos ou enviar demonstrativos de pagamentos para todos os proprietários, podem ser considerados SPAM pois são enviados em grande quantidade, com conteúdo semelhante e enviados pelo mesmo remetente.

Para resolver este problema sugerimos que seja contratado provedores que aceitam envios em grande quantidade. Estes provedores possuem estratégias tecnológicas que melhoram muito a entrega das mensagens.

Normalmente estes provedores são de baixo custo, até mesmo gratuitos e que podem resolver dois problemas:

  1. Melhoras a entrega das mensagens que são em grande quantidade;
  2. Não “queimam” seu dominio ou IP, permitindo que suas mensagens pessoias não sejam bloqueadas.

Exemplos de provedores de envio em massa: Mailgun e Sendpulse .

O Mailgun permite envio de 10.000 mensagens por mês gratuitamente e só passa a cobrar pelos envios excedentes, no valor de $5,00 (cinto dólares) para cada 10.000.

O Sendpulse permite até 12.000 mensagens por mês gratuitos. Mais 13.000 envios você pagará R$ 23,00 (vinte e três reais).

Uma vez criada sua conta em um provedor destes, você pode enviar seus e-mail em quantidade, usando o @suaempresa.com.br e se o cliente responder uma mensagem. você receberá a resposta em sua caixa-de-entrada normalmente.

Caso você precise de mais informações, entre em contato conosco!

Se precisar de ajuda para criar sua conta em um serviço de envio em massa, solicite uma proposta via suporte@nativasistemas.com.br.

Forte abraço e até breve.

Fábio Ribeiro, CEO Nativa Sistemas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *